A Casa de Isopor (EPS)

Conheça a técnica de construção de paredes estruturais feitas com painéis de EPS (Poliestireno Expandido) – popularmente conhecido por ISOPOR (*).

Montamos as paredes da casa com painéis de EPS com uma tela metálica em cada face. Em seguida eles são revestidos com uma argamassa rica em cimento, ganhando função estrutural. O EPS no “recheio” tem função termo-acústica e proporciona muito mais conforto para os habitantes, comparando-se com a alvenaria convencional;

A colocação das tubulações de água e elétrica são feitas com um soprador de calor que “derrete” o isopor formando canaletas onde a tubulação é em seguida colocada. Portanto a obra é muito mais “limpa”. Não necessita de cortes nas paredes com o uso de makita, gerando pouquíssimo resíduo, sendo também muito mais saudável para os funcionários na exposição ao pó e ruído;

A resistência estrutural é superior a da alvenaria feita com tijolos estruturais de cerâmica, pois ela conta com 2 camadas de argamassa, separadas pelo EPS. Elas fornecem estabilidade e resistência à parede. O EPS não tem função de suportar carga, mas sim de ser o isolante térmico das paredes;

A obra é executada em tempo muito inferior à construção convencional e esse é um dos aspectos de diminuem o custo. Além dele temos:

            – As paredes são muito mais leves necessitando de fundações menores e mais econômicas;

            – Por serem paredes estruturais exigem muito menos vigas e colunas ou quase nenhuma, dependendo do projeto;

            – Tubulações elétricas e hidráulicas são instaladas com facilidade em tempo muito curto;

A durabilidade do EPS é imensa. Ele é um produto atóxico e inerte e portanto não se degrada ao longo do tempo – sem prazo de validade;

Como o EPS é resistente às infiltrações de água, ele auxilia muito a performance das paredes externas, nos pontos que devem ser impermeabilizados. Paredes em EPS tem maior estanqueidade que paredes convencionais de tijolo ou blocos de concreto;

Depois que o revestimento dos painéis é finalizado é possível aplicar qualquer tipo de acabamento existente no mercado.

(*) ISOPOR é um marca e não um produto

%d blogueiros gostam disto: