Selo Casa Azul da Caixa: mais um passo em direção à sustentabilidade

Nós estamos sempre batendo na tecla da difusão da sustentabilidade nos nossos artigos aqui no blog da Innov Home, principalmente na questão da grande tendência de mais e mais imóveis procurarem ativamente soluções de sustentabilidade visando o bem estar dos moradores e uma maior valorização do empreendimento.

Nesse quesito, o Selo Casa Azul da Caixa se mostra como mais um grande indicador de que essa tendência veio para ficar: com o incentivo da Caixa, que é uma das maiores financiadoras de empreendimentos imobiliários – para não dizer a maior – a tendência vem se consolidando ainda mais.

Continue lendo para saber mais sobre o Selo Casa Azul e descobrir o que ele é e sua área de atuação!

O que é o Selo Casa Azul da Caixa?

O Selo Casa Azul da Caixa é uma classificação socio ambiental dada aos empreendimentos imobiliários financiados pela Caixa, através de financiamentos individuais ou programas, como o caso do Minha Casa, Minha Vida.

Essa iniciativa procura certificar que o imóvel possui condições específicas de sustentabilidade, e se encaixa nos padrões que a Caixa estabeleceu como benéficos ao meio ambiente, à mobilidade urbana e questões sociais.

O Selo Azul da Caixa possui 53 pontos específicos, divididos em seis categorias principais. São elas:

  • Qualidade urbana;
  • Projeto e conforto;
  • Eficiência energética;
  • Conservação de recursos naturais;
  • Gestão da água;
  • Práticas sociais.

Segundo a própria Caixa, o objetivo do projeto é trazer a sustentabilidade para a realidade dos seus empreendimentos, o que é ótimo para a realidade da sustentabilidade do país.

Mas por que o Selo Casa Azul da Caixa é tão importante? O que faz dele algo tão proeminente nesse cenário? É o que discutimos no próximo tópico. Confira:

O Selo Casa Azul da Caixa como consolidador de tendências

Uma das maiores vantagens que o Selo Casa Azul da Caixa possui com certeza é a grande difusão dos ideais de sustentabilidade para o povo brasileiro, principalmente pelo grande alcance da Caixa nas variedades camadas sociais do Brasil.

O Selo Casa Azul proporciona a possibilidade de expandir a preocupação com a sustentabilidade das casas ao trazer o diálogo para mais pessoas, e transformar algo que para muitos é inacessível – já que a sustentabilidade é uma pauta nova  e desconhecida para alguns – em algo plausível, com pontos positivos fáceis de identificar e bons motivos para aderir.

Isso porque, diferentemente do selo PROCEL Edificações e do IPTU Verde, o Selo Casa Azul da Caixa implica em um investimento convertido no aluguel ou no preço de revenda do imóvel, sendo que a responsabilidade da instalação das soluções é da construtora realizando o empreendimento.

Dessa forma, o morador pode realizar a escolha por um imóvel sustentável e com a garantia de conforto e baixo consumo de água e luz, e não precisar se preocupar com a implantação das soluções. Dessa forma, a Caixa traz para o grande público as vantagens das construções verdes, e transforma a tendência em realidade para o brasileiro médio.

Apelando para a qualidade de vida e para o bolso

Os benefícios listados pela Caixa para a adoção do Selo Casa Azul são vários, mas podemos destacar os seus principais, que estão de acordo com os que já citamos no blog em outras ocasiões: as melhores condições de vida, maior conforto, segurança da vizinhança, ganhos em mobilidade urbana e redução da conta de água e energia, que justifica o aumento do preço de revenda do imóvel e do seu aluguel.

Dessa forma, o Selo Azul da Caixa apela diretamente para o bolso do brasileiro, e isso dá resultado: a gerente do programa, Mara Luísa Alvim Motta constatou ainda em 2011, época onde o primeiro empreendimento imobiliário com o Selo Casa Azul da Caixa foi inaugurado, que os compradores aceitavam até 7% de aumentos no valor do imóvel caso fosse possível prever uma redução da conta luz e água.

O brasileiro é inteligente, e sabe que um bom investimento para a redução dos custos com a manutenção do imóvel e do consumo de água e luz vale a pena. O dinheiro investido retorna em apenas alguns anos, e os benefícios com o bem estar e o conforto não tem preço.

Com tudo isso, fica bem claro que o Selo Casa Azul é um grande passo em direção à sustentabilidade no Brasil. Com a Caixa envolvida nessa missão, é apenas uma questão de tempo para que a sustentabilidade deixe de ser apenas uma tendência e se consolide de vez como uma maneira simples de investir em economia e bem estar.

Você quer saber como participar dessa mudança? A Innov Home traz soluções incríveis para você conseguir! Venha conhecer o nosso blog para saber mais!

(imagens: divulgação)


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: